Gabinete de Desenvolvimento Municipal - GDM

Atualmente, é o GDM o responsável pelas competências atribuídas ao GSIG, extinto com a entrada em vigor do Regulamento Orgânico dos Serviços do Município de Oeiras (Despacho N.º 5021/2014, publicado no Diário da República, 2.ª série — N.º 69 de 8 de Abril de 2014 e Despacho N.º 11091/2016, publicado no Diário da República, 2.ª série - N.º 178 de 15 de Setembro de 2016).

 

Gabinete de Sistemas de Informação Geográfica - GSIG

O Gabinete de SIG da Câmara Municipal de Oeiras foi criado pelo Despacho n.º 19354/2010, publicado em Diário da República, 2.ª série — N.º 252 — 30 de Dezembro de 2010, tendo por missão, de acordo com o Artigo 27.º, a coordenação geral da implementação de uma Infra-estrutura de Dados Espaciais (IDE), garantindo a existência de um Sistema de Informação Geográfica Municipal. Este Gabinete é responsável pela definição de especificações técnicas, pela aquisição/normalização da informação geográfica, pela definição do software,tecnologia e formação, na sua área de competência, de forma a contribuir para o processo da modernização do município.

Contacte-nos:

Telefone: 214 408 324

Email: gdm@cm-oeiras.pt

Morada: Edificio Atrium, R. do Coro de Santo Amaro de Oeiras – N.º 4 A, 2780 – 379 Oeiras

 


 

Entidades que disponibilizam informação geográfica

iGEO - Informação Geográfica
iGEO



Sistema Nacional de Informação Geográfica (SNIG)

Sistema Nacional de Informação Geográfica

O Sistema Nacional de Informação Geográfica (SNIG) é a infra-estrutura nacional de dados espaciais e, através do seu geoportal, permite pesquisar, visualizar e explorar a informação geográfica sobre o território nacional, produzida pelas entidades oficiais e também por privados.

 

 



RISE - Rede de Informação de Situações de Emergência

Presentemente o Grupo CRISE disponibiliza um conjunto de soluções baseadas na internet, vocacionadas para as entidades que necessitem de gerir ocorrências que estejam associadas a um espaço físico.

 

 

 


Área Metropolitana de Lisboa - AML

Área Metropolitana de LisboaA AML é uma pessoa colectiva de direito público que constitui uma forma específica de associação dos municípios abrangidos pelas unidades territoriais definidas com base nas NUTS III da Grande Lisboa e da Península de Setúbal.

 

 

 

 

Sistema Nacional de Informação de Recursos Hidricos - SNIRH

Sistema Nacional de Informação de Recursos HidricosA Administração Pública no domínio do Ambiente, através do Instituto da Água (INAG) e Direcções Regionais com tutela do Ambiente (actuais DRAOT) dispõe desde 1995, de um Sistema Nacional de Informação de Recursos Hídricos (SNIRH) que permite a esses organismos desempenharem de forma mais eficiente as suas funções no domínio dos recursos hídricos.

 

 

 

LNEG - Laboratório Nacional de Energia e Geologia

LNEGO LNEG é um organismo de investigação, demonstração e desenvolvimento tecnológico cuja missão é promover a inovação tecnológica orientando a ciência e tecnologia para o desenvolvimento da economia contribuindo para o aumento da competitividade dos agentes económicos no quadro de um progresso sustentável da economia Portuguesa. O LNEG, enquanto instituição do Ministério da Economia e do Emprego, colabora como consultor para as políticas públicas nas áreas da energia e geologia, ambiente, sustentabilidade, metrologia, normalização, qualidade e certificação.

O Geoportal do LNEG é uma Infra-estrutura de serviços integrados de suporte à gestão e visualização de dados espaciais, que visa disponibilizar, em ambiente web, a informação georreferenciada relacionada com as diferentes atividades do Laboratório Nacional de Energia e Geologia.

 

 

Instituto Nacional de Estatística

Intituto Nacional de EstatísticaO Instituto Nacional de Estatística, IP (INE) tem como missão produzir e divulgar informação estatística oficial de qualidade, promovendo a coordenação, o desenvolvimento e a divulgação da atividade estatística nacional.
 

 

 


Cartografia Oficial - Entidades competentes (D.L. N.º 141/2014 de 19 de Setembro)

 
Direção-Geral do Território 

Direção-Geral do Território

A Direção-Geral do Território, abreviadamente designada por DGT, foi criada pela Lei orgânica, aprovada a coberto do Decreto-Lei n.º 7/2012, de 17 de janeiro, é um serviço central integrado na administração direta do Estado, no âmbito do Ministério do Ambiente, Ordenamento do Território e Energia (Decreto-Lei n.º 119/2013, de 21 de agosto), dotado de autonomia administrativa (Decreto Regulamentar n.º 30/2012, de 13 de março).

A DGT é o organismo público nacional ao qual incumbe prosseguir as políticas públicas de ordenamento do território e de urbanismo, no respeito pelos fins, princípios gerais e objetivos consagrados na respetiva Lei de Bases, zelar pela consolidação do sistema de gestão  territorial e pela aplicação e actualização do quadro legal e regulamentar que o suporta, promover e apoiar as boas práticas de gestão territorial e desenvolver e difundir orientações e critérios  técnicos que assegurem uma adequada organização, valorização e utilização do território nacional, bem como a criação e manutenção das bases de dados geográficos de referência, nomeadamente do Sistema Nacional de Informação Geográfica, do Sistema Nacional de Informação Territorial e do Sistema Nacional de Exploração e Gestão de Informação Cadastral, e ainda a manutenção da rede geodésica nacional e a produção de cartografia nacional de referência.


Instituto Hidrográfico 

Instituto Hidrografico





O Instituto Hidrográfico, criado pelo Decreto-lei n.º 43177 de 22 de Setembro de 1960, é um Órgão da Marinha dotado de autonomia administrativa e financeira que funciona na directa dependência do Chefe do Estado-Maior da Armada.

É reconhecido como Laboratório do Estado, sob a tutela do Ministro da Defesa Nacional e superintendência conjunta desse Ministério e do Ministério da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior.



Centro de Informação GeoEspacial do Exército (CIGeoE)  

CIGeoE

O Centro de Informação Geoespacial do Exército (CIGeoE) sucedeu, a partir de 1 de agosto de 2015, ao Instituto Geográfico do Exército (IGeoE) - com base no Decreto Regulamentar n.º 11/2015, de 31 de julho - tornando-se, assim, o herdeiro natural do espólio e das tradições cartográficas militares portuguesas.O CIGeoE passou, portanto, a ser o órgão responsável pela cartografia do Exército com dependência hierárquica e funcional atribuída ao Comando da Logística. 

Por sua vez, o Instituto Geográfico do Exército (IGeoE) sucedeu, a partir de 1 de Julho de 1993, ao Serviço Cartográfico do Exército (SCE) - com base no despacho 72/MDN/93, de 30 de Junho - tornando-se, assim, o herdeiro natural do espólio e das tradições cartográficas militares portuguesas. .